Google digitaliza manuscritos de Qumram

O Site tecmundo.com.br (27 de dezembro de 2012) divulgou uma notícia informando que o Museu de Israel, juntamente com a Google, estão à frente de um projeto para digitalizar os pergaminhos do mar morto, também conhecidos, como os manuscritos de Qumran.

Estes pergaminhos fazem parte de uma coleção de mais de 900 peças encontradas ao longo dos anos 40 e 50 em uma gruta de Qumran, região situada próxima ao Mar Morto. Os manuscritos, também escritos em aramaico e grego, além de hebraico, são os documentos mais antigos encontrados sobre a vida na Judeia e compõem a versão mais antiga da Bíblia conhecida.

Antigamente, para termos acesso a esse material, só visitando um museu mesmo. Agora com esta nova ferramenta do Google para incentivar a divulgação de História e Cultura pela internet, ficará bem mais fácil acessar de seu próprio computador.

Para ver os pergaminhos que já foram digitalizados, clique no link abaixo: http://dss.collections.imj.org.il/

Você poderá ampliar as fotos, e ler a tradução da língua oficial do documento para o  inglês pelas legendas.

Você pode conhecer mais detalhes sobre os manuscritos de Qumran no livro: (Escola da Fé- Vol.2- Sagradas Escrituras)

Fonte: http://www.tecmundo.com.br/historia/13699-google-digitaliza-os-pergaminhos-do-mar-morto.htm

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.