Fiéis espanhóis participaram de manifestação contra atos de vandalismo à igreja local

A paróquia de Peralta inteira ficou consternada com o sucedido
Navarra (Quarta-feira, 28-12-2011, Gaudium Press) Centenas de fiéis compareceram à Paróquia de San Juan Evangelista de Peralta, em Navarra, Espanha, para participarem do manifestação em desagravo aos atos de vandalismo ocorridos na igreja local. Recentemente, um grupo de pessoas forçou a entrada do templo e decapitou uma imagem do Sagrado Coração, datada do século XIX.

Segundo informa o site madrilenho “Religion em Libertad”, a paróquia de Peralta inteira ficou consternada com o sucedido, esperando encontrar rapidamente os responsáveis pelo crime.

A manifestação, encabeçada pelo pároco local, Javie Leoz, teve início com a leitura de uma carta escrita pelo arcebispo castrense da Espanha, Dom Francisco Pérez, que não pôde comparecer a ato por estar fora do país. Em sua missiva, o prelado afirmou, entre outras coisas, que “Ninguém, por mais que o queira, pode ‘destruir Deus'”.

Conforme Dom Pérez, Cristo ressuscitou e venceu a morte, deu a sua vida em resgate por toda a humanidade, e também “por aqueles que cometeram tal sacrilégio, destruindo a imagem do Coração de Jesus”. Por fim, rogou para que os fiéis de Peralta demonstrem “com vosso amor e perdão que a vida em Cristo nada nem ningupem poderá destruir e arrebatar”.

Após a leitura da carta, o pároco Javier Leoz agradeceu aos presentes, concluindo o ato. “Graças por vossa oração e por tantas mostrar de proximidade. É fácil decapitar uma imagem, mas muito difícil cortar aquilo que ela representa e que nós levamos talhada em nossa coração: a Fé de nossos pais em Cristo”, afirmou.

Segundo informações do “Religion em Libertad”, a imagem do Sagrado Coração será traslada à Pamplona, também na Espanha, para que seja restaurada. As despesas com o restauro ficarão a cargo da Paróquia, embora o conselho local tenha se oferecida a custear os gastos.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.