Fidelidade à nova vida em Cristo

Um_Curso_Em_MilagresNo ano novo as coisas continuarão as mesmas, o que vai mudar é nosso coração. O cristão pode mudar o mundo. O cristão não pode ser triste, ele olha para qualquer situação do mundo e a enfrenta em nome de Deus e diz: “nós vamos mudar essa situação”. Essa é a esperança Cristã, a vida que vence a morte.

Houve uma fase na história da humanidade, quando desabou o império Romano por causa da sua imoralidade e em que os bárbaros dominaram o maior império, e parecia que o mundo iria acabar. São Jerônimo, derramava lágrimas porque era cidadão romamo. Ele teve que parar a tradução do livro de Isaías por causa das suas lágrimas, e dizia o mundo acabou, porque os Bárbaros estavam destruindo tudo. Santo Agostinho escreveu um obra “Cidade de Deus”, dizendo ninguém pode vencer Deus, o mundo vai sobreviver. E o mundo sobreviveu. E a Igreja Católica foi a única instituição que ficou de pé, porque ela tinha grandes santos, tinha os mosteiros que são celeiros de grande santos. E a Igreja converteu os Bárbaros. A fé venceu a desgraça.

Nenhuma fase da história o cristianismo poderá ser vencido. Estamos vendo no mundo muitas blasfêmias, ataques, mas não tenham medo porque Deus sempre venceu e sempre vencerá. Não é o mundo que precisa mudar, somos nós cristãos que precisamos mudar o mundo. A Igreja nunca escolheu a quem ela deve levar o Evangelho. Ela não escolhe quem evangelizar, ela evangeliza quem está na sua frente.

O Reino de Deus se estabelece primeiramente no nosso coração e depois nas nossas famílias. Não esperemos que o ano seja diferente, nós que vamos fazê-lo diferente. Não espere que o ano seja uma vida nova, nós que faremos uma vida nova. O que se fez velho não é o ano, é a nossa vida sem cristo. E a vida nova é a nova vida em Cristo. Você só terá um feliz ano novo, se você tiver uma vida em Cristo.

A pessoa que não conhece Jesus Cristo, não sabe quem ela é. Ela não conhece sua identidade, porque casa, porque não casa, não sabe quem ele é. O homem que não encontrou sua identidade está perdido no escuro, sua vida é um vazio. Só tem uma pessoa que pode dar sentido nessa vida, Jesus Cristo. E Ele veio para esse mundo para dar sentido a sua vida, você é um filho amado de Deus. O Senhor te criou a sua imagem e semelhança. Você não poderia ser criado de uma maneira mais bonita.

Você foi criado a imagem do grande artista. Valorize sua vida. Não diga eu não presto para nada. Porque cristo veio lhe dizer, você é um filho amado de Deus, tanto que Ele deu a vida por você numa cruz. Não jogue no lixo a imagem de Deus que é você. Levanta-te.

“Não esperemos que o ano seja diferente, nós que vamos fazê-lo diferente”

Sejamos luz para o mundo. Somos como a lua, que não tem luz própria, mas ela reflete a luz do sol sobre a terra. Nós somos escuridão, mas quando a luz de Cristo vem sobre nós, nós podemos refletir essa luz de Cristo para as pessoas.

Deus nos fez inteligentes, livres. Mas porque Ele nos fez tão frágeis, um vaso de barro? São Paulo responde, para que saibamos que não é mérito nosso, é graça de Deus. Um vaso de barro precisa ser manuseado com muito cuidado, porque senão eles se quebram. É por isso que muitos filhos de Deus se perdem, não foram tratados com cuidados.

Jesus disse aos discípulos: “Vigiai e orai, porque os espírito é forte, mas a carne é fraca”. Nós fazemos um monte de propósitos, mas muitas vezes não conseguimos porque a carne é fraca, por isso Jesus nos manda orar. E com a oração temos força para vencer o pecado, para ter uma vida em nova em Cristo.

Não adianta você querer ter uma vida nova, se não fizer essas duas coisas: Vigiar e orar. O inimigo de Deus nos domina pelo pecado, São Paulo diz “o salário do pecado é a morte”. Se não fosse o pecado não existiria a morte. Cristo veio tirar o pecado do mundo. João Batista disse: “Eis o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo” Ele não disse que Ele veio curar. Jesus veio para tirar a causa dos sofrimentos, o pecado do mundo.

A Igreja, que é o corpo do Cristo, existe para tirar o pecado do mundo. Ela continuar a fazer o que Cristo fez, tirar o pecado do mundo.

Não importa se vamos viver um ano com tribulações, porque Deus está conosco. O Cristão sabe que Deus está com Ele a todo instante. O que importa que é o homem interior se renova a cada dia, isso que você precisa levar para o ano novo, mesmo que se desconjunte o homem exterior, o homem interior se renova a cada dia, essa é a nossa esperança.

A revolução que a Igreja fez no mundo, foi a revolução da Cruz. O cristão tem os pés no mundo, mas caminha com o coração no céu. Quando os primeiros cristão compreenderam que a felicidade não está nesse mundo, ninguém mais os segurou. Ficamos com vergonha da nossa fé, diante da fé deles, eles eram entregues à boca dos leões, mas não negavam sua fé em Jesus Cristo. Perpétua e Felicidade, foram presas e condenadas por serem cristãs, mas elas não negaram Jesus Cristo. Só a fé na eternidade pode proporcionar essa coragem. Milhares de pessoas morreram, para não negarem a fé em Cristo.

Se nós não fôssemos tão frágeis, não iríamos querer saber do céu. Deus tem algo tão bom para nós que São Paulo não pode descrever, “Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam.” (I Coríntios 2,9). Era essa esperança que impulsionava os mártires a deixar tudo nessa vida para conseguir o céu. Nossa pátria não é nessa Terra, nossa pátria é no Céu. Somos cidadãos do céu. Se queremos viver um ano novo, uma vida nova, vamos viver em Jesus Cristo.

“Não tenham medo porque Cristo Ressuscitado caminha conosco”

Beato João Paulo II

Por Prof. Felipe Aquino

***
Transcrição e adaptação: Regiane Calixto – Canção Nova

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.