Feministas radicais do Femen atacam cardeal na Espanha

ppfemen030214O site ACI informou nesta terça-feira (04/02/14), que domingo passado, algumas feministas radicais do grupo Femen atacaram o Arcebispo de Madri, Cardeal Antonio María Rouco Varela, quando ele estava entrando na paróquia dos Santos Justo e Pastor da capital espanhola.

Cinco mulheres do Femen com o tronco nu e ao grito de “aborto é sagrado!” agrediram o também presidente da Conferência Episcopal. O incidente aconteceu à saída do carro que o levava à paróquia.

Além dos gritos e dos insultos, as ativistas atacaram o Cardeal e tentaram cobrir a sua cabeça com roupa interior manchada de vermelho.

Fontes do Arcebispado de Madri asseguraram ao jornal ABC que depois do incidente “o Cardeal Rouco está bem e tranquilo”. Apesar do acontecido, o Cardeal não mudará as suas rotinas e continuará com suas visitas pastorais às diferentes paróquias de Madri, como fez neste domingo.

Esta agressão aconteceu um dia depois da manifestação contra a reforma da lei do aborto em Madri.

Os ataques do Femen foram constantes nos últimos meses. Na quinta-feira passada na catedral católica de Estocolmo, Suécia, um grupo de mulheres entrou no momento da consagração e se despiram no altar maior. Em seus tronos tinham escritos como: “My body my Choice, Nunca Mais”.

As Femen se definem como “sextremistas” e costumam protestar com o tronco nu.

A mente mestra por trás destas mulheres é Victor Svyatski, um polêmico personagem que trata as garotas muito mal e as insulta chamando-as de “cadelas”.

Assim o revelou Kitty Green, diretora do documentário Ukraine is not a Brothel (Ucrânia não é um bordel) em uma entrevista com o jornal britânico The Independent, que afirmou também que apesar de Svyatski ser considerado formalmente como um “assessor” do Femen, “uma vez que eu estava dentro do círculo interno, não pude deixar de conhecê-lo. Ele é Femen”.

Fonte:http://www.acidigital.com/noticia.php?id=26649

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.