És Cristão?

apolonio-de-tianaVeja neste diálogo um testemunho de fé e de coragem de um dos cristãos dos primeiros séculos da Igreja…

sede_santosApós o primeiro martírio dos cristãos sob o imperador Nero, no ano 185, em Roma, o filósofo cristão Apolônio será executado por ser cristão, depois de se defender diante do procônsul Perennius, que lhe pedira para fazer sacrifício aos deuses e a estátua do imperador Cômodo:

O procônsul Perennius: “És um cristão?”

Apolônio: “Sim, eu sou um cristão. Eu amo e temo a Deus que fez o céu e a terra, o mar e tudo que neles há(…)”

Leia também: O cristão é um outro Cristo

Sobre a Vida dos Primeiros Cristãos

Sobre a Vida dos Primeiros Cristãos (Parte2)

Cristão, luz do mundo e sal da terra

Todo cristão é um profeta

18/4 – Santo Apolônio

O procônsul: “Considerando o decreto do Senado, eu te aconselho a abjurar de tua fé. Então, ao honrares e adorares nossos deuses, como todos, irás continuar a viver entre nós”.

historia_da_igrejaOuça também: Como viviam os primeiros cristãos?

Apolônio: “Eu conheço o decreto do Senado, Perennius. Mas eu sirvo o meu Deus, não ídolos feitos por mãos humanas. (…) É ao Deus do céu que eu sirvo, a ele só que eu amo. Ele soprou em cada ser uma alma viva, e é ele quem as mantém vivas a cada dia. Não, eu nunca me violentaria desta forma, Perennius, nem me curvaria diante de teus brinquedos! (…)”

O procônsul: “Apolônio, o decreto do Senado proíbe que sejamos cristãos”.

Apolônio: “O decreto do homem não prevalece sobre decreto de Deus. Quanto mais tu matares, em nome da justiça e das leis, estes, os inocentes que são os fiéis, mais Deus os aumentará em número”.

Anônimo Atos de Apolônio

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.