Coroa das sete dores e sete gozos de São José

São José, Pai Nutrício do Menino Jesus (imagem grande)Ao recordar as dores e alegrias de São José, a alma cristã medita as mais belas passagens do Evangelho e sente com o Santo Patriarca as angústias e doçuras daqueles mistérios.

Primeira dor:

Compadeço-me de Vós, ó Patriarca São José,  pela dor que tivestes ao verdes que vossa Santíssima Esposa era mãe,  ignorando Vós o mistério da encarnação do Filho de Deus; e me comprazo no gozo e alegria que experimentastes ao ouvir do Anjo do Senhor aquelas palavras tão consoladoras: “José, filho de Davi, não temais morar com Maria vossa esposa, porque o que leva em suas entranhas é obra do Espírito Santo”. Em memória desta dor e deste gozo, eu vos suplico que me alcanceis a graça de estar livre da soberba,  adornado da virtude da humildade e enriquecido com o dom de sabedoria.

Pai-Nosso e Ave Maria.

Segunda dor:

Compadeço-me de vós,  ó Patriarca São José,  pela dor que tivestes vendo a Jesus e a Maria alojados no presépio de Belém; e me comprazo no gozo e alegria, que vos causou ver a Jesus adorado dos anjos,  pastores e reis. Em memória desta dor e deste gozo, eu vos suplico que me alcanceis a graça de ver-me livre da avareza, adornado da virtude da liberalidade, e enriquecido com o dom de entendimento.cpa_o_glorioso_s_o_jos_

Pai-Nosso e Ave Maria.

Terceira dor:

Compadeço-me de vós, ó Patriarca São José,  pela dor que tivestes vendo o sangue que derramava Jesus no dia da circuncisão; e me comprazo no gozo e alegria que vos causou a imposição do nome de Jesus. Em memória desta dor e deste gozo, eu vos suplico que me alcanceis a graça de ver-me livre da luxúria, adornado da virtude da castidade e enriquecido com o dom do conselho.

Pai-Nosso e Ave Maria.

Quarta dor:

Compadeço-me de vós, ó Patriarca São José,  pela dor que tivestes ouvindo as palavras de Simeão,  quando dizia a vossa esposa Maria, que uma espada de dor havia de transpassar sua alma; e me comprazo no gozo e na alegria que experimentastes, ouvindo os louvores que Simeão e Ana tributaram a Jesus. Em memória desta dor e deste gozo, eu vos suplico que me alcanceis a graça de ver-me livre da ira, adornado da virtude da paciência e enriquecido com o dom da fortaleza.

Pai Nosso e Ave Maria.

Leia também: Novena a São José

A morte de São José: misteriosa, mas a mais sublime que se pode imaginar

Santa Maria e São José: modelo para os casais de hoje

O culto a São José

Quinta dor:

Compadeço-me de vós,  ó Patriarca São José,  pela dor que tivestes vendo a Jesus perseguido de Herodes; e me comprazo no gozo e alegria que sentistes vendo como caiam os ídolos do Egito. Em memória desta  dor e deste gozo,  eu vos suplico que me alcanceis a graça de ver-me livre da gula,  adornado da temperança,  e enriquecido com o dom da ciência.

Pai-Nosso e Ave Maria.

Sexta dor:

Compadeço-me de vós, ó Patriarca São José, pela dor que tivestes ao saberdes que reinava Arquelau em lugar de Herodes; e me comprazo no gozo e alegria que experimentou vosso coração em poder estar seguro em Nazaré. Em memória desta dor e deste gozo, eu vos suplico que me alcanceis a graça de ver-me livre da inveja,  adornado da caridade, e enriquecido com o dom da piedade.

Pai-Nosso e Ave Maria.

Sétima dor:

Compadeço-me de vós, ó Patriarca São José,  pela dor que tivestes por terdes perdido a Jesus, ainda que sem culpa; e me comprazo no gozo e alegria que experimentastes quando O achastes no templo. Em memória desta dor e deste gozo, eu vos suplico que me alcanceis a graça de ver-me livre da preguiça,  adornado da diligência e enriquecido com o dom do temor de Deus.

Pai-Nosso e Ave Maria.

Oração

Ó glorioso Patriarca São José,  animado de uma fé viva, chego ao vosso trono de glória, em que firmíssimamente Deus vos colocou pelos méritos de Jesus e de Maria, por vossos especiais méritos e virtudes. Eu vos peço que me alcanceis a graça de livrar-me dos sete pecados capitais,  e que fique firme e constante nas virtudes a eles contrárias, e adornado dos sete dons do Espírito Santo,  e que   ame  com fervor a Jesus e a Maria. E para mais obrigar vosso compassivo coração,  lembro-vos as sete maiores dores.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.