Conselho Pontifício para a Familia: Família e Filosofia

Hayden Ramsay

Professor do Pontifício Instituto João Paulo II. Estudou nas Universidades de Edimburgo, Stirling, Melboune e La Trobe. Pesquisador em filosofia moral e psicologia filosófica. Colaborador do Arcebispado de Melbourne e do Estado de Victória (Austrália) para a regulação das tecnologias de reprodução artificial Várias publicações.

[Resumo]

Os ataques dos quais o!ser humano e a família são alvos atualmente, são, em grande parte, o resultado de confusões da linguagem. Tais confusões referem-se a questões fundamentais: pessoa e indivíduo, igualdade e identidade, liberdade e liceidade, prazer e felicidade. E são, ao mesmo tempo, conseqüência do pôr em questão o matrimônio, alicerce da família. Pois bem: esta instituição natural, que é a família, é caracterizada pela união estável entre um homem e uma mulher que se comprometem a se amar e a transmitir a vida. A partir do momento em que os dois aspectos da instituição conjugal se separam, a instituição natural é pisoteada e as disposições jurídicas que a regulam permanecem sem objeto. O artifício da contracepção, dissociado dos dois fins do matrimônio, atenta ao coração da instituição matrimonial. Ademais, as palavras “matrimônio” e “família” começam a ser usadas para definir qualquer espécie de união. A anarquia semântica produz unicamente efeitos deletérios para o tecido social, cujo eixo sempre foi a família, que é heterossexual e monogâmica.

(Família ampliada; Família e personalismo; Família monoparental; Família, natureza e pessoa; Família reconstruída; Família tradicional; Novos modelos de família)

______________________________
Leia o texto integral, entre outros, em Lexicon: termos ambíguos e discutidos sobre família, vida e questões éticas,  Pontifício Conselho para a Família, Edições CNBB.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.