Conheça algumas regras que regem a eleição do Papa

1_0_672745O site da Rádio Vaticano divulgou nesta terça-feira algumas regras que regem o processo para eleição de um novo Papa.

Baseando-se na Constituição Apostólica Universi Dominici Gregis, promulgada por João Paulo II, deve-se ter uma preocupação muito grande com o sigilo total do conclave. Sendo assim, este documento assegura sigilo absoluto sobre o que acontece no conclave ou diga respeito, direta ou indiretamente, à eleição do novo Papa.

Esta Constituição enumera em detalhes todas as medidas para garantir a privacidade, segredo e evitar influências exteriores. Veja:

“- Os Cardeais não podem, de modo algum, revelar a qualquer outra pessoa informações sobre o Conclave (art. 60: graviter onerata ipsorum conscientia).

– Segundo o Motu Proprio “Normas Nonnullas” de Bento XVI, a excomunhão automática ‘latae sententia’, para quem viola o segredo, diz respeito às pessoas indicadas no art.46 da UDG, ou seja, não diz respeito aos Cardeais.

Ao contrário, a excomunhão é prevista também para os Cardeais nos seguintes casos:

– em caso de simonia, ou seja, compra ou venda de votos, mesmo se o voto de um Cardeal excomungado permaneça válido e neste sentido o resultado do voto não pode ser impugnado (art. 78 UDG)”

Fonte: http://pt.radiovaticana.va/news/2013/03/13/algumas_regras_que_regem_a_elei%C3%A7%C3%A3o_do_papa/bra-672745

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.