Carro bomba explode em frente a uma igreja católica em Bagdá durante Domingo de Páscoa

BAGDÁ, 26 Abr. 11 / 03:01 pm (ACI/EWTN Noticias) A comunidade católica de Bagdá sofreu um novo ataque terrorista no último Domingo de Páscoa quando um carro bomba explodiu em frente à igreja do Sagrado Coração pouco depois do final da Missa dominical.

O atentado deixou quatro feridos e destruiu as janelas do templo localizado no distrito de Karrada. Também causou severos danos em uma caminhonete da polícia estacionada na porta da igreja.

Os feridos são dois policiais e dois civis. Não se reportaram ameaças prévias ao ataque, mas a segurança foi incrementada pela Páscoa nas igrejas de Bagdá e nas províncias do norte, onde residem muitos cristãos.

“Nossa vida no Iraque está cheia de medo”, afirmou o sacerdote Hanna Saad Sirop aos fiéis reunidos na igreja caldéia de São José em Bagdá. “Mas temos que viver na fé e na confiança. Temos que confiar em Deus Todo-poderoso”, acrescentou.

As autoridades iraquianas proporcionaram maior segurança às igrejas cristãs a partir do 31 de outubro do ano passado quando um ataque terrorista na Catedral siro-católica de Bagdá deixou 50 mortos e dezenas de feridos.

Estima-se que a população cristã do Iraque -que chegava a mais de 1,5 milhões de pessoas- foi reduzida pela metade desde a invasão liderada pelos Estados Unidos em 2003 e a perseguição religiosa.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.