Cardeal Scherer rechaça promoção do aborto por grupo minoritário de professores da PUC-SP

SÃO PAULO, 16 Set. 10 (ACI) .

– Uma Associação minoritária de Professores da PUC-SP (APROPUC), com sede no Campus universitário Perdizes, estará promovendo no próximo dia 27 o lançamento do livro “A criminalização do aborto em questão” do autor Maurílio Castro de Matos, favorável a esta prática infanticida. Depois da apresentação do livro haverá uma mesa redonda com conhecidos militantes da liberalização do aborto no Brasil como a Prof. Maria José Rosado da PUC, coordenadora da organização anti-vida auto-intitulada Católicas pelo Direito de Decidir. Diante deste fato, o Cardeal Pedro Odilo Scherer, Arcebispo de São Paulo e Grão-Chanceler da PUC-SP enviou uma nota através do Vicariato Episcopal para a Pastoral da Comunicação na qual deplora que uma associação ligada à PUC-SP promova atos pró-aborto afirmando que ele é o primeiro interessado na não realização do evento.

O evento foi denunciado pelos participantes da Campanha Direito a Nascer, que ademais decidiram realizar um abaixo-assinado contra a realização do lançamento da obra do Prof. Castro de Matos, para que “a PUC leve seus professores a respeitar inteiramente as normas pontifícias e canônicas que são próprias a uma universidade católica”. A escolha da data tampouco é em vão, em São Paulo o evento ocorrerá durante a semana do “dia latino-americano de luta pela descriminalização do aborto”.

Saindo ao encontro do lançamento do livro a ser realizado no campus Monte Alegre da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, o Vicariato Episcopal para a Pastoral da Comunicação da Arquidiocese de São Paulo, em nota oficial enviada também à nossa agência esclarece que:

– O lugar do lançamento do livro deverá ser a sede da APROPUC (Associação dos Professores da PUC), que tem personalidade própria e independente da Pontifícia Universidade e da Fundação São Paulo, sua mantenedora.

– A referida Associação tem 447 associados entre os 1.721 professores da Universidade.

– A reitoria da Universidade não havia sido consultada a respeito da realização do lançamento
anunciado e o desconhecia.

– O Cardeal Dom Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano de São Paulo e Grão-Chanceler da PUC-SP, igualmente desconhecia a realização do lançamento e lamenta profundamente que uma associação ligada à PUC-SP promova atos pró-aborto, contrários ao ensinamento da Igreja sobre a dignidade da vida nascente e os desaprova.

– Sobre o abaixo-assinado promovido pelo site WWW.fundadores.org.br, o Cardeal Scherer solicitou a este Vicariato que mantenha contato com seus administradores para esclarecer que ele é o primeiro interessado na não realização do lançamento de um livro pró-aborto em associações ligadas à PUC-SP.

O evento também está programado para ser realizado posteriormente nas cidades de Duque de Caxias (RJ), São Gonçalo (RJ) e Rio de Janeiro. 

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.