Bispos europeus: é preciso renovar a sociedade através da proclamação da Boa Nova

LISBOA, 03 Out. 11 / 06:02 pm (ACI) – No marco da reunião plenária do Conselho das Conferências Episcopais Europeias (CCEE) na Albânia, que reelegeu o cardeal Peter Erdo como presidente da entidade até 2016, os prelados deste continente comprometeram-se a buscar a renovação da sociedade através da renovada e atualizada proclamação da Boa Nova e defenderam “medidas de maior exigência” contra governos que não respeitem a liberdade religiosa.

“Quando não há um pleno respeito pelo direito à liberdade religiosa não se pode falar verdadeiramente em segurança ou em solidariedade e a religião cristã é a mais perseguida da Europa”, recordou Dom Erdö, na cidade de Tirana, na Albânia.

De acordo com um comunicado oficial enviado hoje à Agência Ecclesia do episcopado português, o cardeal Péter Erdö lamentou “o crescimento mais ou menos assumido” de “uma atitude anti-cristã, no mundo do trabalho e em diversas esferas da vida social”, solicitando uma intervenção mais efetiva do poder político, nesta matéria.

Os representantes das 33 Conferências Episcopais da Europa mostraram-se “preocupados e atentos” com a situação, não só no Velho Continente mas também em outros locais do planeta, em particular na Terra Santa. No evento, D. Fouad Twal, Patriarca latino de Jerusalém, oferece um testemunho sobre o “êxodo cristão” que se tem verificado nesta região, onde os fiéis procuram “escapar da miséria e da incerteza”.

“Não podemos permanecer em silêncio diante destes ataques”, sublinhou o presidente do CCEE, indo ao encontro do tema principal da reunião plenária: “a Nova Evangelização”.

“Num cenário como este, a Igreja Católica na Europa quer comprometer-se com a renovação da sociedade onde vive, através da proclamação da Boa Nova de uma maneira renovada e atualizada”, confidenciou o cardeal Péter Erdö.

O Conselho das Conferências Episcopais Europeias, que tem como secretário-geral o padre português Duarte da Cunha, prepara-se para assinalar, no próximo dia 22 de novembro em Roma, 40 anos de existência, assinala também a nota da agência portuguesa Ecclesia.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.