Bento XVI: Cristo, esperança e consolo no cotidiano

ANCONA, domingo, 11 de setembro de 2011 (ZENIT.org) – Apresentamos as palavras do Papa Bento XVI pronunciou hoje ao introduzir a oração do Angelus no estaleiro de Ancona (Itália), ao concluir a missa de encerramento do 25º Congresso Eucarístico Nacional.

* * *

Queridos irmãos e irmãs,

antes de concluir esta solene celebração eucarística, a oração do Angelus nos convida a refletir sobre Maria, para contemplar o abismo de amor do qual procede o sacramento da Eucaristia.

Meditando o mistério da Encarnação, nos dirigimos todos, com a mente e o coração, ao Santuário da Santa Casa de Loreto, do qual só poucos quilômetros nos separam. A terra de Marche é toda iluminada pela presença espiritual de Maria em seu santuário histórico, que torna ainda mais belas e doces estas colinas. A ela confio neste momento a cidade de Ancona, a diocese, Marche e toda Itália, para que no povo italiano esteja sempre viva a fé no mistério eucarístico, que em cada cidade e em cada povo, dos Alpes à Sicília, faça presente Cristo Ressuscitado, fonte de esperança e de consolo para a vida cotidiana, especialmente nos momentos difíceis.

Hoje nosso pensamento vai também para o 11 de setembro, 10 anos atrás. Ao recordar o Senhor da Vida junto das vítimas dos ataques que aconteceram naquele dia, e suas famílias, convido os líderes das nações e os homens de boa vontade a rejeitar sempre a violência como solução para os problemas e a resistir à tentação do ódio e a trabalhar na sociedade, inspirando-se nos princípios da solidariedade, da justiça e da paz.

Por intercessão de Maria Santíssima, peço, por fim, ao Senhor que recompense todos aqueles que trabalharam na preparação e organização deste Congresso Eucarístico Nacional, e a eles calorosamente dirijo os meus sinceros agradecimentos.

Angelus Domini.

[Traduzido por ZENIT]

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.