Basílica do Sagrado Coração em Paris profanada por vândalos

ProfananBasilicaParis_Twitter_CharlesMillonO site ACI/EWTN Noticias informou nesta sexta-feira (21/03/14) que a Basílica do Sagrado Coração de Montmartre, um dos templos católicos mais visitados em Paris (França), foi profanado na manhã de quarta-feira, dia do aniversário do bairro onde se localiza, onde vândalos picharam frases de ódio à fé e à Igreja.

Os muros da fachada da igreja, sua porta e o interior da basílica, construída em 1873, ficaram repletos de frases como “nem Deus nem Estado”, “fogo às capelas”, “abaixo Deus” e “queimem-me”. Nenhum grupo assumiu autoria da profanação.

Este templo é um dos principais da cidade, onde Jesus Sacramentado recebe adoração dia e noite.

Julie Graziani, porta-voz da associação de leigos católicos “Juntos pelo Bem Comum”, denunciou em uma coluna no jornal Figaro que esta profanação “é altamente simbólica e recorda com tristeza que a política da indiferença ou de ‘dois pesos, duas medidas’ segue aplicando-se” na França.

“Os autores (…) são provavelmente destes pequenos grupos de extrema esquerda, que prosperam em um ano com a aprovação das autoridades políticas, e se sentem animados à expressão de catolicofobia desinhibida”.

Graziani sublinhou que “a liberdade de expressão é um direito precioso. É precisamente por esta razão que devemos defendê-la contra os que querem degenerar este direito com abusos, e criar um instrumento de ódio religioso ou racial”.

O prefeito de Paris, Bertrand Delanoë, condenou as “degradações inaceitáveis” cometidas na Basílica do Sagrado Coração, e expressou seu apoio “ao conjunto dos católicos parisinos”.

“Espero que seus autores sejam identificados e detidos rapidamente”, expressou.

Fonte: http://www.acidigital.com/noticia.php?id=26875

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.