Arquidiocese do Rio promove simulado das catequeses para jovens que ocorrerão durante a JMJ 2013

Rio de Janeiro, 04 de Maio de 2012 (ACIDIGITAL) – O Comitê Organizador Local (COL) da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) vai promover na próxima semana, dia 19, uma espécie de treinamento de uma manhã típica de catequese do evento. Para o primeiro simulado foram selecionadas 35 paróquias, uma por forania. Segundo o coordenador da JMJ Rio 2013, monsenhor Joel Portella Amado, um dos objetivos é observar a estrutura das comunidades para avaliar se elas estão prontas para acolher os peregrinos.

“As pessoas virão ao Rio para vivenciar a peregrinação. Temos que fascinar pelo acolhimento que nós vamos vivenciar nesse simulado”, disse Monsenhor Portella, diretor-geral do Comitê Organizador Local (COL) da JMJ.

As manhãs de catequese com os bispos acontecem em três dias da JMJ. O simulado vai obedecer a mesma estrutura começando às 8h e terminando ao meio dia com a celebração eucarística. De acordo com Monsenhor Joel são muitos os objetivos do dia de treinamento. Para ele, é importante mostrar que a JMJ não é só para a juventude, mas para toda a Igreja e o simulado vai permitir a integração de outras pastorais e setores na preparação do encontro com o Papa.

Outro ponto ressaltado pelo sacerdote é chamar a atenção da juventude para participar das catequeses. “A Jornada não se restringe aos atos centrais, às grandes celebrações. A Jornada tem muitas outras coisas, entre as quais, a realização das catequeses”, afirmou.

O arcebispo do Rio e presidente do COL, Dom Orani João Tempesta; o diretor do Setor de Voluntários, padre Ramon Nascimento; e os diretores do Setor de Preparação Pastoral, os padres Arnaldo Rodrigues e Leandro Lenin; também participaram da preparação do simulado. Além do treinamento da catequese está previsto mais dois simulados: dos atos centrais, no dia 20 de julho; e de engajamento dos voluntários e de organização do evento, 26 de novembro.

Neste último o Rio vai receber 400 delegados de todas as conferências episcopais do mundo e de movimentos internacionais para uma prévia do seu trabalho na Jornada.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.