Arcebispo do Rio de Janeiro pede que população participe da Vigília de Oração pela Vida

Segunda-feira, 09 de Abril de 2012
“É tempo de olhar para o futuro com renovada esperança”, pontuou o arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, na noite de sábado, 7 de abril, ao presidir na Catedral de São Sebastião a Vigília Pascal, a mais importante celebração do calendário litúrgico cristão.
“Embora estejamos vivendo situações de violências, a celebração da Páscoa do Senhor nos faz ter a certeza e a alegria da vitória sobre a morte: a graça que supera o pecado, o amor que vence o ódio e a verdade que prevalece na mentira”, disse Dom Orani.
Recordando o sentido da Páscoa, a vitória de Cristo sobre todas as situações de morte, Dom Orani convocou os fiéis a promoverem a vida em todas as suas instâncias, como dom de Deus. A se unirem na Vigília de Oração pela Vida, em vista do julgamento que o Supremo Tribunal Federal (STF) realizará no próximo dia 11, sobre a descriminalização do aborto de anencéfalos, casos em que o feto tem má formação no cérebro.
“A Igreja no Brasil, através da presidência da CNBB, pede que todos os cristãos rezem, às vésperas do julgamento, em favor da vida. Mesmo que seja breve, todos têm direito à vida, e por isso ela deve ser acolhida como dom e compromisso. Nós, que acreditamos em Cristo, não podemos permitir que a legislação abra caminhos para que a vida seja desvalorizada em nosso país”, afirmou.

Belo Horizonte
As 269 paróquias da arquidiocese de Belo Horizonte (MG), em comunhão a Presidência da CNBB para a realização de uma Vigília em Favor da Vida, realizarão a Vigília na capital mineira, no Santuário Arquidiocesano de Adoração Perpétua, Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem – Rua Sergipe, 175, bairro Funcionários, nesta segunda-feira, dia 09 de abril

Fonte: CNBB

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.