Após assumir-se contra à adoção gay, famoso ator inglês sofre ameaças

Segundo o site de notícias ACI/EWTN Noticias publicou em 21 de novembro de 2012, que o ator inglês Rupert Everett,assumidamente homossexual, de 53 anos, conhecido por atuar em filmes como “Shakespeare apaixonado”; após assumir publicamente sua posição contra à adoção gay, afirmando que não pode “pensar em nada pior do que ser criado por dois pais gays”, tem recebido mensagens de ódio e até de morte.

A notícia ainda ressaltou que em declarações recolhidas pelo jornal britânico The Daily Telegraph, Everett desabafou que seus comentários críticos sobre a paternidade homossexual o converteram no “inimigo público número um” do lobby gay.

Além disso, em junho deste ano, o Professor Mark Regnerus, da Universidade do Texas (Estados Unidos), apresentou um estudo que confirma o que foi afirmado por Rupert Everett, ao assegurar estatisticamente que as crianças criadas por casais homossexuais enfrentam maiores dificuldades em sua idade adulta, que aquelas criadas por uma família estável constituída sobre um homem e uma mulher.

Fonte: http://www.acidigital.com/noticia.php?id=24484

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.