Alentam boicote contra “cúpula de luxo” de profissionais do aborto em Sevilha

SEVILHA, 04 Out. 10 (ACI) .- A plataforma cidadã HazteOir.org e Direito a Viver, que já levam milhares de assinaturas reunidas, alenta os defensores da vida a expressar seu enérgico rechaço e apoiar o boicote à cúpula de abortistas que será realizada em um conhecido hotel de Sevilha de 21 a 23 de outubro enviando uma petição ao presidente do grupo Sol Melia, cujas oficinas para América Latina têm sede no Brasil, para evitar a realização deste evento financiado também pela Junta da Andaluzia e a Prefeitura de Sevilha.

A protesta terá seu dia central no próximo 23 de outubro em frente ao hotel Melia Sevilha sob o lema “Sevilha, capital mundial da vida?” e consiste em uma coleta de assinaturas contra a realização deste 9° Congresso da Federação Internacional de Profissionais do Aborto e a Anticoncepção (FIAPAC). O evento tem como tema “Aborto provocado: consolidar a qualidade e o acompanhamento” e ocasionou o rechaço da população e de diversos grupos de defesa da vida.

Para aderir-se à protesta na Espanha, o leitor pode ingressar em http://www.hazteoir.org/node/33050  aonde encontrará uma petição ao senhor Gabriel Escarrer Juliá, presidente do grupo Sol Meliá, dono da maior cadeia de hotéis do mundo.

Este petição assinala: “pedimos-lhe que não associe sua prestigiosa marca ao Congresso internacional de Profissionais do Aborto, e dê as oportunas instruções para que a reunião dessa sinistra indústria não se celebre no hotel Meliá Sevilha nem em nenhum outro estabelecimento da cadeia Sol Meliá”.

Direito a Viver (DAV) Sevilha assinala que “os multimilionários carrascos que vão se alojar no Meliá Sevilha cobram uma média de 600 euros por cada aborto que praticam. Uma parte dessa vida humana arrancada com uma covarde crueldade, é o preço da habitação e as comodidades das que gozarão no hotel Meliá Sevilha durante os dias 21, 22 e 23 de outubro”.

Por outro lado e em declarações à agência ACI Prensa, Magaly Llaguno, Diretora Executiva do Vida Humana Internacional (VHI) , assinalou que sua organização “faz um chamado a todas as pessoas de boa vontade, para que se unam ao boicote contra a Cadeia de hotéis Sol-Meliá, por terem consentido que seu hotel Meliá Sevilha seja a sede do congresso, durante o qual planejarão estratégias anti-vida e aperfeiçoarão suas mortíferas técnicas, os que lucram com a matança dos inocentes não-nascidos”.

Deste modo a VHI anima às protestas em frente aos diversos hotéis da Cadeia Meliá na América Latina no dia 23 de outubro, junto com os ativistas pró-vida na Espanha, e a escrever aos correios do departamento de comunicações da Sol Meliá para expressar seu rechaço a esta cúpula do aborto: comunicacion@solmelia.com e corpt@solmeliacs.com.br

Para protestar ante os hotéis do grupo Meliá no Brasil, cujos principais escritórios estão em São Paulo Brasil, veja o endereço em:
http://pt.solmelia.com/nContact/jsp/C_Contact_Scorp.jsp

Para obter material gráfico para os correios, o VHI sugere o seguinte link: http://www.vidahumana.org/vidafam/aborto/fotos.html

Para assinar a petição da Organização HazteOir (na Espanha), ingresse em: http://www.hazteoir.org/node/33050  

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.