A Oração é luta de fé que os cristãos vencem quando se abandonam a Deus

01:56 pm | VATICANO, 2011-05-25 (ACI) .- Na Audiência Geral desta quarta-feira, Bento XVI recebeu os milhares de fiéis e peregrinos que se reuniram na Praça São Pedro, e continuando seu ciclo de catequeses sobre a oração cristã. O Papa meditou sobre a experiência de Deus feita por Jacó, relatada no Livro do Gênesis, ressaltando que “a oração exige confiança e intimidade, quase um corpo-a-corpo simbólico, não com um Deus adversário, mas com o Senhor que abençoa”.

Segundo o contexto oferecido pela nota da Rádio Vaticano desta quarta-feira, a Bíblia descreve Jacó como um homem astuto que consegue as coisas com o engano. Sozinho na noite, Jacó foi atacado inesperadamente por uma pessoa misteriosa, se defende valentemente e a pessoa misteriosa pergunta o seu nome.

“Essa história nos apresenta uma luta que não tem um vencedor claro, deixando o adversário no seu mistério. A criatura misteriosa dá um novo nome a Jacó. Ele passa a se chamar Israel, que significa Deus é forte, Deus triunfa. Essa nova identidade mostra a vitória de Deus que abençoa Jacó gratuitamente” – frisou Bento XVI.

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.