A lição de um girassol

4792868258_44683248e4_bTudo vem a tempo para quem sabe esperar!

Deus pode falar e se revelar a nós de diversas maneiras; através de sua Palavra, de pessoas, dos livros, das situações da vida, da natureza e de tantas outras formas. Você pode olhar a sua volta e ver que em tudo há um toque de Deus. Seja na palavra doce de um amigo que lhe fala, no olhar puro de uma criança a brincar, nas surpresas que acontecem em sua vida e mesmo na beleza da natureza. Alguém já disse que “Deus não fala, mas tudo fala de Deus”; ou seja, você pode não ouvir “fisicamente” Deus falando, mas Ele fala, e fala sempre. Por isso, é importante que estejamos atentos aos detalhes. Se em nossa vida, não aprendermos a parar ao menos um pouquinho, correremos o risco de não O percebermos.

“Nossa vida é um presente de Deus e o que fazemos dela é o nosso presente a Ele”, assim nos ensinou São João Bosco. Deus nos deu um dia com 24h, para bem vivermos. Todo amanhecer é um presente de Deus para nós. “Cada manhã ele se manifesta, e grande é sua fidelidade” (Lam 3,23). E o que temos feito com esses dias? Será que não estamos tentando viver 36h em 24h? Será que temos respeitado o nosso tempo e o tempo de Deus?

Leia também: O valor do tempo

Olhe para as montanhas e eleve sua alma

Há um sabiá que canta na Catedral…

Aprendendo com a natureza

Como Deus se revela a nós?

Essas são algumas perguntas das quais deveríamos sempre nos fazer. Hoje em dia corremos tanto, fazemos tantas coisas, que parece nos faltar tempo para perceber Deus falando conosco. E não podemos deixar que isso aconteça. Muitas vezes, será necessário PARAR e ESPERAR. A própria Palavra nos revela em Ecl 3,1: “Para tudo há um tempo, para cada coisa há um momento debaixo dos céus”. E nem sempre esse momento é hora que queremos, mas a hora de Deus. E esta é uma lição que aprendi com os girassóis…

Os Girassóis são também conhecidos como “Flores da Alegria” e costuma-se dizer que quem vê um Girassol imediatamente abre um largo sorriso diante da beleza da flor. Pois é! Como é gostoso olhar para uma flor de girassol.

Assista também: Um tempo para cada coisa – Ecl 3

O girassol acompanha o Sol durante do dia, porque ele é a sua imagem: grande, forte, suas pétalas são como os raios do Sol. Pois bem, nos lembram de Jesus, o Sol “que traz a salvação em seus raios” (Malaquias 3, 20). Como disse Habacuc: “Seu esplendor é deslumbrante como a luz, das suas mãos brotam raios; ali está o véu de seu poder” (Hab 3, 4).

Mas, para que uma planta nasça, cresça e dê flor, leva tempo. A natureza não tem pressa, cresce devagar e no silêncio. Tudo que é feito às pressas sai imperfeito.

É preciso escolher bem as sementes, cavar um buraco, e começar a cuidar delas, sem mesmo vê-las.100_msgs_menor

Passado um tempo começam a aparecer as pequeninas e frágeis folhas, que à princípio parecem até ervas daninhas. Mas é incrível que, com o cuidado, e com paciência, dia após dia, as folhas e o caule vão crescendo, crescendo, crescendo…, ficam robustos e muito lentamente nasce um pequenino botão, que ali fica esperando sua hora de abrir. Até o belo dia em que a flor se abre.

Assim também são as coisas de Deus. Assim também é o tempo de Deus. Quantas vezes fazemos um pedido a Ele, e acabamos desistindo porque achamos que nada acontece, que não fomos ouvidos? Quantas vezes, abandonamos nossa vida de oração, pois achamos que não sentimos mais a Deus como antes, não o ouvimos mais?

Bem, para tudo há o seu tempo e seu momento, Ele sabe o porquê. O nosso Deus é o Senhor do tempo. Mas se não aprendermos a parar, a esperar a semente germinar, a planta crescer e aparecer o pequeno botão, também não veremos a flor do girassol se abrir, e não perceberemos as muitas declarações de amor que Deus nos faz todos dias.

Gabriela Julio

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.