A história dos dois profetas

flechas-780477Pressentindo que seu país em breve iria mergulhar numa guerra civil, o sultão chamou um dos seus melhores profetas e perguntou-lhe quanto tempo ainda lhe restava para viver.

— Meu adorado mestre, o senhor viverá o bastante para ver todos os seus filhos mortos.

Num acesso de fúria, o sultão mandou imediatamente enforcar aquele que proferira palavras tão aterradoras. Então, a guerra civil era realmente uma ameaça! Desesperado, chamou um segundo profeta.

— Quanto tempo viverei! — perguntou, procurando saber se ainda seria capaz de controlar uma situação potencialmente explosiva.

— Senhor, Deus lhe concedeu uma vida tão longa que ultrapassará a geração dos seus filhos e chegará à geração dos seus netos.

Agradecido, o sultão mandou recompensá-lo com ouro e prata.

Ao sair do palácio, um conselheiro comentou com o profeta:cpa_sabedoria_em_par_bolas

— Você disse a mesma coisa que o profeta anterior. Entretanto, o primeiro foi executado e você recebeu recompensas. Por quê?

— Porque o segredo não está no que você diz, mas na maneira como diz.

Sempre que precisar disparar a flecha da verdade, não esqueça de antes molhar sua ponta num vaso de mel. Por mais inaceitável que seja aquilo que você vai dizer, se você souber como transmitir, será fatalmente absorvido por quem ouve, de uma forma compreensível. Seja na vida profissional, familiar, etc.

Retirado do livro: “Sabedoria em Parábolas”

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.