75% das vítimas de perseguição religiosa no mundo são cristãos

voce-ja-refletiu-sobre-a-oracao-do-pai-nossoO site Zenit.org (28/05/13) informou que o jornalista e professor da Universidade Abat Oliba, Daniel Arasa, lançou recentemente um livro intitulado “Cristãos, entre a persecução e o mobbing”, no qual afirma que “O cristianismo é hoje a religião mais perseguida do mundo. É uma verdadeira emergência humanitária, embora a maioria das instituições internacionais, governos e meios de comunicação silenciem”.

Segundo o autor, a perseguição religiosa vem se manifestando nos últimos anos de duas maneiras. A primeira, se refere a perseguição aberta e sangrenta, que acontece em muitos países muçulmanos e em outros como a Índia. A segunda, tem a ver com a situação do Ocidente, que está sofrendo, cada vez mais, um ataque contra a liberdade religiosa. Não há perseguição, mas, frequentemente, há “escárnio cultural e marginalização”.

O livro, publicado em espanhol, defende com clareza o direito à liberdade religiosa como um direito inato, que não depende de concessão pelos poderes públicos e que interessa tanto aos crentes quanto aos não crentes, já que estes também terão a sua liberdade garantida. Quando essa liberdade é violada, é sinal de que outras liberdades, como a de expressão, a de reunião e a de manifestação, também são afetadas, e não apenas no âmbito religioso.

Fonte: http://www.zenit.org/pt/articles/75-das-vitimas-de-perseguicao-religiosa-no-mundo-sao-cristaos

Compartilhe!

    Sobre Prof. Felipe Aquino

    O Prof. Felipe Aquino é doutor em Engenharia Mecânica pela UNESP e mestre na mesma área pela UNIFEI. Foi diretor geral da FAENQUIL (atual EEL-USP) durante 20 anos e atualmente é Professor de História da Igreja do “Instituto de Teologia Bento XVI” da Diocese de Lorena e da Canção Nova. Cavaleiro da Ordem de São Gregório Magno, título concedido pelo Papa Bento XVI, em 06/02/2012. Foi casado durante 40 anos e é pai de cinco filhos. Na TV Canção Nova, apresenta o programa “Escola da Fé” e “Pergunte e Responderemos”, na Rádio apresenta o programa “No Coração da Igreja”. Nos finais de semana prega encontros de aprofundamento em todo o Brasil e no exterior. Escreveu 73 livros de formação católica pelas editoras Cléofas, Loyola e Canção Nova.
    Adicionar a favoritos link permanente.